Boa tarde!
18/10
 

Artigos

Voltar
Terça-feira, 05 de julho de 2005 - 19h54m

Outros > Agroecologia

Alfazema, panacéia em forma de planta



* Por Patrícia Torres

O termo alfazema deriva do árabe e significa “cura feridas”. Nativa do Mediterrâneo era amplamente difundida para cicatrização de ferimentos. A mesma planta constitui-se de excelente afrodisíaco, sendo utilizada na Roma Antiga nos banhos; surgindo então a denominação lavanda, do Latim “Lavare”. A erva é considerada uma verdadeira panacéia. O óleo essencial alcança grande valor no mercado, sendo amplamente utilizado na perfumaria e cosmética.

Empregada como aromatizante de compotas, excelente para peles acneicas e couro cabeludo, elimina a oleosidade, deixando os cabelos sedosos. Repelente natural de traças, piolhos, carrapatos e outros parasitas. É também diurética, expectorante, sedativa, antiinflamatória, sudorífica, antiespasmódica, anti-séptica, cicatrizante e colagoga. Auxilia em casos de cãimbras, gota, inapetência, insolação, fraqueza, vômitos, hipocondria, falta de regras, tosses e resfriados, cistites e inflamações das vias urinárias. Atua na hora do parto, facilitando as contrações uterinas. Ajuda a regular a produção e eliminação da bile, combate enxaqueca. Gargarejo com decoção das flores alivia a dor de dente. Desaconselhável o uso no chimarrão pois confere um gosto “canforado” à bebida. É contra-indicada durante a gestação e em mulheres de regras abundantes.

Nome Científico: Lavandula Officinalis; Lavandula angustifólia;
Família: Labiateae (Labiáceas).

* Engenheira Agrônoma Patrícia Torres
patymitorres@yahoo.com.br


Fonte: Patrícia Torres
















© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r