Boa tarde!
26/09
 

Artigos

Voltar
Quarta-feira, 07 de setembro de 2005 - 08h59m

Animais > Ovinos

Quanto vale um carneiro Texel?



Por Roberto Moreira de Azambuja *


Muito tem se falado de quanto poderíamos pagar por um carneiro, mas até hoje não temos parâmetros para quantificar esse preço. Será que o valor certo é o que o produtor ou empresário se dispõe a pagar? Qual é o retorno do investimento? Não conheço nenhum levantamento de dados para que possamos analisar.


Alguns anos atrás, durante uma Expointer, no Rio Grande do Sul, um produtor pagou U$ 13,000.00 por um carneiro, e muito foi comentado sobre o valor pago. “Loucura !!!”; “Nunca vai tirar o investimento !!!”. Na primeira feira onde foi apresentada a produção desse animal foram vendidos 8 exemplares num total de aproximadamente U$ 23,000.00 comprovando que o investimento realizado foi recompensado na venda da primeira produção do carneiro.

Em 2004 novamente dois carneiros foram comercializados por um preço cerca de nove vezes acima da média, e novamente surgiram os mesmos comentários e creio que com um pensamento empresarial se pode pagar estes preços ou até mais. Para analisar e quantificar um valor, foram pesquisados vários dados da Expointer 2004 e de produção nascida em 2003.























O QUE ESTÁ RELACIONADO AO PREÇO DE UM CARNEIRO TEXEL

1. Qualidade zootécnica do animal.
2. Número de produtores interessados no mesmo animal.
3. Facilidade de pagamentos.
4. Origem do reprodutor (cabanha a que pertence ).
5. Genealogia ( pais e mães diferentes ).
6. Condomínios formados para aquisição.
7. Prêmios conquistados



CONCLUSÃO

De acordo com as variáveis analisadas, o preço de um carneiro, está diretamente relacionado ao número de ventres que o produtor possui e ao tipo de comercialização que o mesmo faz de seus produtos: venda na cabanha, remates particulares, exposições do interior ou Expointer.

Teoricamente o custo de cobertura para um produtor com 213 ventres PO que pagou R$ 21.300,00 por um reprodutor é o mesmo que o de outro produtor que pagou R$ 6.100,00, e tem 61 ventres PO em cobertura.

Dos dados analisados, 7 produtores possuem mais de 100 ventres PO em cobertura e produziram mais de 40 fêmeas PO no ano 2003. Se cada um desses produtores colocasse a venda 30 borregas PO a um preço médio de R$ 1.500,00 cada uma, receberiam R$ 45.000,00 somente com a venda das fêmeas. Caso algumas dessas fêmeas fossem à Expointer e 4 delas fossem premiadas, o valor dos animais passaria para aproximadamente R$ 60.000,00.( vide tabela acima – FEMEAS NA EXPOINTER 2004 ).

Portanto, os mesmos produtores poderiam pagar esse preço pôr um carneiro Texel, que o investimento seria pago na primeira produção. Se levarmos em consideração a venda dos machos da produção, poderíamos ter um acréscimo de, no mínimo, R$ 20.000,00, chegando a um montante de R$ 80.000,00.

Ao meu ver falta um maior planejamento por parte dos produtores e um maior despreendimento e visão de mercado para vender suas produções, principalmente borregas PO e ventres.
Hoje o mercado está comprador, sendo este o momento do produtor vender. Muitas vezes vemos exposições com vários carneiros para vender e poucos ventres.

Para ser recompensado financeiramente, o produtor alem de investir em genética, também deve investir em assistência técnica, pastagem, alimentação, prevenção sanitária e mão de obra qualificada para poder, com os seus animais bem apresentados, competir com aqueles produtores que já se organizaram, podendo então disputar o mercado do ovino Texel, que é muito promissor.


* Médico-Veterinário


Fonte: Página Rural
















© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r