Boa noite!
22/09
 

Artigos

Voltar
Sábado, 01 de março de 2003 - 10h37m

Agricultura > Milho

As três principais causas de perdas na silagem



Época de colheita é época para armazenar alimentos. A silagem de milho é uma opção que já está inserida entre as práticas dos produtores de leite B do Vale do Taquari, por garantir um volumoso de qualidade e uma fonte nutritiva disponível ao longo do ano. Como neste momento o milho está valorizado, o produtor de leite deve ter alguns cuidados para minimizar as perdas. O veterinário que atende aos produtores da Associação de Leite B do Vale do Taquari, Gastão Conrad, explica que as principais causas de perdas são decorrentes de compactação deficiente, colheita fora do ponto de corte ideal, e fechamento de silo mal feito.

Compactação deficiente – para a manutenção da qualidade da silagem de milho, a fermentação deve ocorrer sem a presença de ar. Quanto mais compactada a silagem, menor a presença de ar, e, consequentemente, melhor a qualidade da fermentação, ocorrendo assim menor perda de energia do alimento, com menores riscos de desenvolvimento de fungos (micotoxinas). Para a silagem ficar bem compactada deve-se usar máquinas mais pesadas. A compactação deve ser uniforme em toda a superfície. E a cada carga acrescentada ao solo, deve haver uma nova compactação.

Colheita fora do ponto ideal – o milho deve ser ensilado quando a matéria seca está entre 30% e 35%. Isto ocorre quando o grão está passando de leitoso para farináceo. Se o teor de umidade for maior que o ideal, a fermentação é prejudicada e ocorrem perdas de nutrientes a medida que vai se dando a perda da umidade. Se a umidade estiver menor que a ideal, a compactação fica dificultada, o corte da planta torna-se mais difícil e o grão poderá ficar inteiro, não sendo digerido no rúmen da vaca. Isto reflete-se em menor produtividade de leite.

Fechamento do silo mal feito – o fechamento do silo deve ser feito imediatamente após o término do processo de ensilagem, tendo-se o cuidado de fechar bem nas beiradas, para evitar a entrada de ar e água. De preferência, o produtor deve colocar algum material sobre a lona, a fim de protegê-la dos raios de sol, pois o excesso de calor afeta a qualidade da silagem, assim como da lona. O ideal é usar lona branca na silagem, que apesar de ser um pouco mais cara, apresenta custo-benefício positivo.


Fonte: Assessoria de Imprensa da Associação de Produtores de Leite B do Vale do Taquari
















© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r