Bom dia!
19/08
 

Notícias

Voltar
Terça-feira, 01 de junho de 2010 - 15h08m

Eventos > Workshop

AM: instituições discutem inovações tecnológicas para tambaqui



Manaus/AM

Manaus vai sediar nos dias 16 e 17 de junho, o Workshop Produção de Tambaqui que tem o objetivo de apresentar as inovações tecnológicas desenvolvidas pelas pesquisas do projeto Aquabrasil e discutir estratégias para a produção sustentável dessa espécie nativa da Amazônia.

O evento é promovido pelo projeto “Bases Tecnológicas para o desenvolvimento sustentável da aquicultura no Brasil – Aquabrasil”, que desenvolve em nível nacional pesquisas nas áreas de melhoramento genético, nutrição, sanidade, boas práticas de manejo e processamento, com enfoque em espécies de importância econômica para a aquicultura no Brasil, dentre as quais a espécie escolhida para a Região Norte é o tambaqui.
O tambaqui é o peixe mais cultivado na Região Norte do Brasil e apresenta bom desempenho para criação intensiva, porém há o entendimento de que faltam informações e tecnologias para alcançar melhores níveis de sustentabilidade econômica, social e ambiental para a piscicultura dessa espécie.

O workshop realizado em Manaus tem a coordenação geral da pesquisadora Emiko Resende, da Embrapa Pantanal (Corumbá-MS); a coordenação científica e organização do evento é conduzida pelos pesquisadores da Embrapa Amazônia Ocidental (Manaus-AM), Cheila Boijink e Luís Inoue, e os pesquisadores da Embrapa Amazônia Oriental (Belém-PA), Roselany Corrêa e Heitor Martins Junior. O evento é uma realização da Embrapa, Sepror e Universidade Federal do Mato Grosso-UFMT.

Conta ainda com a parceria do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia-Inpa, Universidade Estadual de Maringá, Universidade Federal de Alagoas, Universidade Federal de Santa Catarina e Centro Universitário Nilton Lins. As inscrições para participar do Workshop são gratuitas podem ser feitas no site http://www.cpaa.embrapa.br, onde também está disponível a programação completa.

Programação
Na manhã do dia 16, no workshop, será feita a apresentação do projeto Aquabrasil e serão abordados assuntos como as perspectivas e ações do Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) na ciência e tecnologia aquícola brasileira; sistemas de cultivo e demandas na produção de tambaqui; linhas de financiamento para pesca e aquicultura. Entre os temas abordados, está o Programa de Melhoramento Genético do Tambaqui e a proposta de construção do Centro de Melhoramento Genético de Tambaqui na Embrapa Amazônia Ocidental e os resultados esperados.

A partir das 14h, serão discutidos os assuntos relacionados à Nutrição, como as rações utilizadas, estudos voltados à nutrição e a utilização de ingredientes alternativos nas rações e ainda sobre a utilização de probióticos na produção de tambaqui. Em seguida serão discutidos temas relacionados à Sanidade, como a prevenção e tratamento de doenças e parasitas.

No dia 17, serão discutidos o manejo e gestão ambiental dos sistemas de cultivo, com palestra sobre boas práticas de manejo na piscicultura. Também nesse dia entra em pauta o aproveitamento agroindustrial, com palestras sobre tecnologias de processamento do tambaqui, cadeia produtiva; biologia avançada: interação das bases tecnológicas para o aumento sustentável da produção de tambaqui. À tarde os participantes visitam uma fazenda onde são realizados experimentos da Embrapa Amazônia Ocidental em parceria com a iniciativa privada.

Aquicultura
A aquicultura (criação de espécies aquáticas) é considerada como uma importante opção para preencher a lacuna entre a captura pesqueira e a demanda por pescados, entretanto, há necessidade de melhorar os níveis de competitividade e sustentabilidade, de acordo com informações divulgadas pelo projeto Aquabrasil.

O Brasil possui grande potencial de desenvolvimento para essa atividade com 13% das reservas de água doce do mundo e ainda a maior biodiversidade de peixes de água doce. Porém, apesar de existirem muitos empreendimentos nessa área, o País ocupa a 19ª posição de produção em nível mundial.

Nesse sentido, a estratégia do projeto Aquabrasil é promover um salto tecnológico na aquicultura brasileira a partir do atendimento das principais demandas da cadeia produtiva com foco na obtenção de alevinos de boa qualidade via melhoramento genético, na oferta de rações ambientalmente seguras que promovam o máximo de rendimento zootécnico com redução da carga orgânica, na identificação e no controle sanitário integrados aos sistemas de produção e cujo manejo e gestão ambiental adotem Boas Práticas de Manejo (BPMs) para assegurar a produção de alimentos passíveis de processamento agroindustrial.

Sobre o projeto
O Aquabrasil conta com uma rede de mais de 70 pesquisadores, de 15 Unidades da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Embrapa e de 19 Universidades e Instituições de Pesquisa públicas e privadas, empresas de pesquisa federais e estaduais, nacionais e estrangeiras e de institutos ligados às áreas de agricultura, aquicultura e meio ambiente.

A atuação em rede busca integrar esforços e aproveitar as competências e infraestrutura instaladas entre os parceiros, para produzir o embasamento técnico-científico para o desenvolvimento do agronegócio aquícola em bases sustentáveis, desenvolvendo e incorporando novas tecnologias e o uso eficiente dos recursos naturais para as espécies selecionadas pela sua importância econômica nacional e regional.


SERVIÇO

Evento: Workshop Produção de Tambaqui – Projeto Aquabrasil
Data: 16 e 17 de junho de 2010
Local: auditório Floriano Pacheco, na sede da Suframa (Av. Ministro Mário Andreazza, 1424, Distrito Industrial) em Manaus-AM.
A programação completa e as incrições podem ser feitas no site http://www.cpaa.embrapa.br


Fonte: Embrapa Amazônia Ocidental














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r