Bom dia!
17/12
 

Notícias

Voltar
Terça-feira, 01 de junho de 2010 - 17h20m

Eventos > Outros

RO: propriedades da Embrapa são as primeiras da Região Norte livres de brucelose e tuberculose com certificação



Porto Velho/RO

Depois de um ano e meio de testes e exames, a Embrapa Rondônia recebe, na manhã desta quarta-feira, dois certificados de propriedades livres de brucelose e tuberculose. As áreas são as primeiras da Região Norte a alcançar o certificado e uma das propriedades é a segunda do país com rebanho de búfalos comprovadamente livre das doenças. A entrega dos certificados será feita pela Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastorial do Estado de Rondônia (Idaron), em solenidade que começa às 10h da manhã, no auditório da Embrapa Rondônia, em Porto Velho.

O processo de certificação segue um rigoroso padrão instituído em 2001 pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA). São necessárias três baterias de exames em todos os animais do rebanho e os resultados precisam sempre ser negativos para as duas doenças. Apenas um resultado positivo exige que todo o processo seja reiniciado.

Os exames tiveram início em dezembro de 2008, quando todos os animais do Campo Experimental de Porto Velho, área da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), vinculada ao MAPA, foram examinados. São feitas coletas de sangue para o diagnóstico de brucelose e aplicados antígenos para identificar a presença da bactéria causadora da tuberculose.

Os mesmos exames foram repetidos quatro meses depois. A terceira e última bateria de exames aconteceu em novembro do ano passado, quando amostras de sangue foram encaminhadas para um laboratório credenciado pelo MAPA, que faz a verificação final da saúde dos animais do rebanho. O certificado é a prova de que os exames de todos os animais foi negativo para as doenças.

Médica veterinária e pesquisadora da Embrapa Rondônia, Luciana Gatto Brito explica que ter uma propriedade livre de brucelose e de tuberculose é ter também a garantia de que todos os produtos oriundos do rebanho estejam livres das doenças. Causadas por bactérias, a brucelose e a tuberculose podem ser transmitidas aos seres humanos pelo leite, por exemplo.

Para o coordenador do Programa Estadual de Erradicação da Brucelose e Tuberculose da Idaron, Fabiano Benitez, a entrega dos certificados pode motivar pecuaristas de todo o Estado a buscar a certificação. A Idaron acompanhou a realização de todos os exames e trabalha em parceria com a Embrapa na capacitação de médicos veterinários para o diagnóstico, controle e erradicação de brucelose e tuberculose em bovinos e bubalinos no Estado de Rondônia.

Búfalos
Outra certificação que coloca Rondônia na vanguarda do controle de brucelose e tuberculose no país é a comprovação de que os 88 búfalos do Campo Experimental de Presidente Médici, área da Embrapa Rondônia localizada no interior do Estado, estão livres das duas doenças. A propriedade é a segunda em todo o país a alcançar a certificação. A Embrapa Rondônia desenvolve pesquisas com búfalos principalmente para a produção de leite.

A solenidade de entrega dos certificados deve contar com a presença do superintendente Federal da Agricultura, Sidney Liberatti, do chefe-geral da Embrapa Rondônia, César A. D. Teixeira, do presidente da Idaron, Ari Alves, além de representantes da Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária e Regularização Fundiária (Seagri) e do Fundo de Apoio a Defesa Sanitária Animal do Estado de Rondônia (FEFA).


SERVIÇO

O que: Entrega de certificados de propriedades livres de brucelose e tuberculose
Quando: dia 02/06/2010 – 10h
Onde: Auditório da Embrapa Rondônia – BR 364, km 5,5 sentido Cuiabá, Porto Velho (ao lado do supermercado Makro)


Fonte: Embrapa Rondônia














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r