Boa noite!
15/07
 

Notícias

Voltar
Terça-feira, 01 de junho de 2010 - 17h59m

Eventos > Outros

DF: Embrapa Hortaliças vai intensificar atividades no Haiti



Brasília/DF

Entre os dias 23 e 30 de maio, a Embrapa Hortaliças (Brasília-DF) enviou uma missão para retomar as atividades do projeto de cooperação financiado pela Agência Brasileira de Cooperação (ABC), que está beneficiando a associação de produtores Afè Nèg Combite (ANC), associação com 33 anos de existência e que congrega mais de 5 mil agricultores da região de Kenscoff, a cerca de 25 quilômetros de Porto Príncipe.

Integrada pelo pesquisador Nuno Rodrigo Madeira e pelo analista Sergio Bender, a missão serviu para retomar os contatos com os parceiros haitianos do Ministério da Agricultura, Recursos Naturais e Desenvolvimento Rural do Haiti (MARNDR) e da ANC, além de estabelecer um cronograma de atividades para o segundo semestre.

De acordo com Nuno Madeira, a partir de agosto de 2010, serão implantadas pelo menos 20 unidades demonstrativas junto a agricultores de diferentes comunidades. Os locais foram selecionados representando diferentes microclimas e tipos de solo. O pesquisador explica que em alguns casos as unidades serão montados pela ANC, com repasse de sementes e orientação da Embrapa. “Em outros casos, em trabalho conjunto propriamente dito, como no caso de Mahautière, área de forte atuação da ANC com solo e relevo muito adequados ao cultivo e com histórico de trabalho coletivo. As espécies serão definidas em função das demandas locais levantadas de forma participativa junto aos campesinos.”

Segundo o pesquisador da Embrapa Hortaliças, também a partir de agosto de 2010 serão estabelecidos campos de produção de sementes na área experimental de Lefevre, que irão ser repassadas para o banco de sementes na sede da Afè Nèg Combite. “Espera-se produzir sementes de alface, brócolos, repolho, tomate, pimentão, berinjela, pepino, abóbora, quiabo, feijão-vagem, ervilha, cenoura, entre outras”, afirma. O treinamento de produtores também faz parte da agenda de trabalhos, com cinco cursos de curta duração ministrados no Haiti.

Sergio Bender explica que a temática dos cursos será levantada de forma participativa com as comunidades e contará com temas sobre o manejo alternativo da fertilidade (compostagem, adubos verdes, bokashi), preparo de solo conservacionista e controle de erosão, produção familiar de sementes de hortaliças e culturas específicas. Ele ainda ressalta que a Embrapa Hortaliças deverá produzir material bibliográfico em crèole, idioma do Haiti, conforme as demandas existentes. No final de 2010, a Embrapa Hortaliças propôs a realização de um Seminário sobre Produção de Hortaliças no Haiti. Segundo Nuno Madeira, o evento será voltado para técnicos e agricultores, com a apresentação de iniciativas de diversas instituições de vários países nesta área.


Fonte: Embrapa














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r