Boa noite!
15/07
 

Notícias

Voltar
Terça-feira, 01 de junho de 2010 - 19h11m

Eventos > Audiência

RS: audiência pública debate desafios e oportunidades da pesquisa agropecuária



Imagens

Foto: Ana Luiza Viegas



Pelotas/RS

Uma audiência pública realizada hoje (01) reuniu lideranças de Organizações Estaduais de Pesquisa (Oepas), localizadas no Sul do Brasil, com chefes, pesquisadores, analistas da Embrapa Clima Temperado e membros do Comitê Assessor Externo (CAE) da Unidade. O inédito painel, reuniu cerca de 100 pessoas no auditório da Unidade da Embrapa, em Pelotas/RS, para debater os desafios e as oportunidades para o desenvolvimento das ações de pesquisa, desenvolvimento e inovação (PD&I) do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária na região Sul do Brasil.

Na ocasião, os painelistas: Benami Bacaltchuk (Diretor-Presidente da Fepagro/RS), Edson Silva (Diretor da Epagri/SC), Arnaldo Colozzi Filho (Diretor Técnico-Científico do Iapar/PR), e José Geraldo Eugênio de França (Diretor Executivo Embrapa), apresentaram os cenários, o alinhamento estratégico de PD&I, ações de transferência de tecnologia das instituições e possibilidades de compartilhamento de competências e infra-estrutura.

“Agindo isoladamente nenhuma instituição de pesquisa agropecuária poderia suprir as demandas de um país continental como o Brasil”, destacou o Diretor Executivo da Embrapa, Geraldo Eugênio. Segundo ele, o encontro possibilitou o estabelecimento de mecanismos que fortaleçam ainda mais a parceria com as Oepas. “Através do PAC Embrapa foram destinados recursos financeiros que estão sendo investidos em melhorias nessas organizações. Além disso, a Embrapa oferece bolsas de pós-graduação para profissionais dessas instituições parceiras”, completou.

Geraldo disse ainda que é preciso continuar investindo fortemente nas parcerias interinstitucionais, pois se somarmos toda a infra-estrutura e o capital intelectual das OEPAS e da Embrapa, poderemos verificar formas de agregar valor e identificar semelhanças em prol de projetos regionais, que possibilitem o estabelecimento de programas integrados que se destaquem no cenário internacional. “Acredito que se tivermos OEPAS fortes, teremos uma Embrapa ainda mais eficiente e a agricultura brasileira só tem a ganhar com isso”, concluiu ele.

O Chefe Geral da Embrapa Clima Temperado, Waldyr Stumpf Junior, salientou que através desse encontro, espera-se estabelecer uma agenda propositiva de ações que serão desenvolvidas de forma conjunta em prol da sociedade. “A Embrapa tem esse papel fundamental de promover a integração entre as instituições de pesquisa e precisamos aproveitar a oportunidade de fortalecer as pesquisas em rede”, enfatizou.

Para o Diretor-Presidente da Fepagro/RS, Benami Bacaltchuk, essa é uma oportunidade impar e que poderá viabilizar ações concretas de estreitamento de parcerias. O dirigente da Epagri, Edson Silva, destacou por sua vez, que “a evolução da ciência e da tecnologia aplicada são extremamente dinâmicas e, por isso, precisamos somar nossa capacidade de gerenciar as informações e os talentos”. O Diretor Técnico-Científico do Iapar/PR, Arnaldo Colozzi Filho, ressaltou a importância do encontro que possibilitou o alinhamento inicial das parcerias e o conhecimento das linhas de pesquisas como forma de ampliar o envolvimento das instituições.


Fonte: Embrapa Clima Temperado














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r