Boa tarde!
17/07
 

Notícias

Voltar
Quinta-feira, 10 de junho de 2010 - 10h54m

Política Agrícola > Mandioca

BA: cultura da mandioca é prioritária para o Estado, diz secretário Salles



Imagens

Seagri Itinerante Mais Alimentos Bahia na cidade de Ribeira do Pombal

Foto: Heckel Jr



Ribeira do Pombal/BA

“A mandioca, cultura presente em 100% dos territórios de identidade da Bahia, é uma prioridade do governo da Bahia”, afirmou o secretário estadual da Agricultura, Eduardo Salles, ao se reunir ontem (9), com produtores de 18 municípios do sertão baiano. O encontro aconteceu na cidade de Ribeira do Pombal, onde está sendo realizada a quinta edição do programa Seagri Itinerante Mais Alimentos. Na quinta e sexta-feiras a comitiva da Seagri estará em Paulo Afonso, debatendo com os produtores e agricultores familiares as questão e as soluções para a agropecuária.

Depois de debater os problemas que afetam a cultura da mandioca, notamente no município de Banzaê, onde existem 12 casas de farinha comunitária, o secretário assumiu com as associações e cooperativas de agricultores familiares o compromisso de desenvolver com eles, através da EBDA, nota técnica sobre a região e articular junto ao Ministério da Agricultura a inclusão da região no zoneamento rural, o que cria condições para o acesso a financiamentos.

Mas para o secretário, as questões são mais amplas e serão debatidas na Câmara Setorial da Mandioca, criada há duas semanas, como parte da iniciativa da Seagri para a eleboração do Planejamento Estratégico da Agropecuária Baiana para os próximos 20 anos. “Assim como o mel e a caprinovinocultura, a cultura da mandioca está presente na Bahia inteira”, lembrou o secretário, apontando que “somos o maior produtor de mandioca, mas ainda importamos farinha e fécula do Paraná”.

A mandioca é uma das 20 cadeias prioritárias da Seagri, que está fechando convênio com o Banco do Nordeste do Brasil, BNB, para a aplicação de R$ 1 milhão no desenvolvimento destas cadeias através do crédito assistido. “Não basta criar as condições de acesso ao crédito, precisamos e vamos dar assistência técnica ao agricultor, capacitando-o e orientando-o na aplicação dos recursos”, explicou o secretário. Ele disse que a região de Banzaê será prioritária para o treinamento dos agricultores, e reafirmou que “mandioca é prioritária no Estado e vamos agir para encontrar as soluções para os problemas”.

Seagri Itinerante Mais Alimentos Bahia
Seagri Itinerante é o projeto do governo do Estado com a proposta de transferir o gabinete da Seagri e corpo técnico para atender aos agricultores de perto e conhecer as suas necessidades, discutindo com eles as alternativas de solução para os problemas detectados. Em paralelo, está sendo realizada uma feira de tecnologia do programa Mais Alimentos-Bahia da secretaria Estadual da Agricultura (Seagri), em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).

Em sua quinta edição, a caravana da Seagri Itinerante já percorreu o oeste, Vales do Jiquiriçá e São Francisco, Portão do Sertão, Recôncavo, Baixo Sul, Piemonte Norte do Itapicuru e agora, o sertão baiano. O objetivo é levar o Governo do Estado para perto do produtor, dando possibilidade de acesso a novas tecnologias, para que ele produza mais e melhore a sua renda e qualidade de vida.

Hoje (10), a caravana da Seagri Itinerante está em Paulo Afonso e permanece até amanhã (11), onde os técnicos da Seagri e órgãos vinculados, como Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Adab), Coordenação de Desenvolvimento Agrário (CDA), Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), Bahia Pesca e as superintendências da Agricultura Familiar, Política do Agronegócio, da Irrigação e Desenvolvimento Agropecuário, ouvindo os agricultores familiares da região. A quinta edição da Seagri Itinerante Mais Alimentos – Bahia vai beneficiar mais de 3 mil agricultores de 25 municípios circunvizinhos.

PROGRAMAÇÃO

O que: Seagri Itinerante Mais Alimentos - Bahia
Onde/ Quando: 

Ribeira do Pombal (08 e 09/06)
Local: Colégio Evência Brito
Feira Mais Alimentos: Pça. Getúlio Vargas

Paulo Afonso (10 e 11/06)
Local: Reuniões: CFPPA – Centro de Formação da CHESF
Feira Mais Alimentos: Parque de Exposição Djalma Wanderley

Municípios Beneficiados: Cícero Dantas, Heliópolis, Adustina, Fátima, Paripiranga, Sítio do Quinto, Novo Triunfo, Antas, Euclides da Cunha, Banzaê, Ribeira do Amparo, Tucano, Nova Soure, Cipó, Itapicuru, Olindina, Glória, Abaré, Jeremoabo, Santa Brígida, Macururé, Rodelas, Chorrochó, Pedro Alexandre, Coronel João Sá.


Fonte: Seagri/BA














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r