Boa tarde!
17/07
 

Notícias

Voltar
Quinta-feira, 10 de junho de 2010 - 13h57m

Eventos > Outros

BA: EBDA mobiliza agricultores familiares de 18 municípios para Seagri Itinerante



Ribeira do Pombal/BA

Agricultores familiares de 18 municípios da região de Ribeira do Pombal participaram da Feira da Agricultura Familiar Mais Alimento Bahia, promovida pela Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária (Seagri), através do projeto Seagri Itinerante, que visa a aproximação do Governo do Estado ao agricultor familiar para levantar demandas e buscar soluções conjuntas.

Para a execução deste projeto, a Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola S.A. (EBDA), órgão vinculado à Seagri, é a responsável pela mobilização dos agricultores familiares, e em Ribeira do Pombal, mais de 1.200 agricultores dos Territórios de Identidade Semi Árido Nordeste II e Sisal, compareceram ao evento ontem (09) com o levantamento das demandas das cadeias produtivas de fruticultura (caju), sementes, mandioca, caprinovinocultura, apicultura e pecuária de leite.

“O objetivo da Seagri itinerante é levar o estado para junto do agricultor familiar. Além disso, a Seagri, enquanto órgão de governo, tem a capacidade de articulação com os outros órgãos parceiros para buscar soluções não só relacionadas à agricultura com mais rapidez e eficiência”, enfatizou Eduardo Salles durante a explanação das demandas levantadas pelos representantes das cadeias produtivas, da região.

Para este fim, agricultores e suas representações e técnicos da Seagri, EBDA, Adab, CDA e Bahia Pesca, debateram durante todo o dia de ontem, quando levantaram as demandas e possíveis soluções. A conclusão dos trabalhos foi apresentada ao secretário Eduardo Salles que esteve presente ao evento acompanhado dos presidentes e diretores dos órgãos vinculados à Seagri.

Feira da Agricultura Familiar
Entre os mais de 15 estandes montados na feira, a EBDA participou de três espaços, preenchendo propostas de projetos, esclarecendo os agricultores sobre os Programas Sertão Produtivo, Semeando, Mais Alimento e de Apicultura, emitindo DAP’s, distribuindo mudas de nim, gliricídia e caju, e atendendo aos agricultores familiares presentes.

Segundo Emerson Leal, a EBDA tem papel relevante na economia do Estado, em função de ser a responsável pela Assistência Técnica e Extensão Rural aos agricultores familiares baianos, e um dos órgãos responsáveis pela implementação das políticas públicas voltadas para o meio rural. “Os tempos mudaram e hoje o agricultor familiar não deve ser mais tratado como “coitadinho”, pois todos têm direito ao acesso a tecnologias que possam contribuir com o desenvolvimento da sua propriedade e consequentemente, a uma melhor qualidade de vida”, garantiu o presidente.

Para o agricultor Valderildo Gama de Souza (46 anos), que planta feijão, milho, sorgo, girassol, caju e cria ovelhas na fazenda Salgado, no município de Banzaê, a feira é uma oportunidade de mostrar os seus produtos e de reivindicar melhorias. “Participo de uma associação e da Cooperacaju – Cooperativa dos Cajucultores do Nordeste da Bahia -, e esta iniciativa é para nós uma oportunidade para mostrarmos as nossas necessidades; precisamos de toda a ajuda para beneficiarmos e comercializarmos nossos produtos”, comentou o agricultor.

Centro de Profissionalização
Acompanhado do presidente Emerson Leal, o secretário Eduardo Salles visitou o Centro de Profissionalização de Agricultores Familiares do Território Semi Árido Nordeste II (Centrenor) e a Estação Experimental de Cajucultura, na Gerência Regional da EBDA, em Ribeira do Pombal, onde a empresa desenvolve cursos na área de cajucultura, realiza pesquisas e produz mudas de diversas espécies, desde fruteiras a leguminosas. “Vamos aproveitar este centro para dar suporte aos trabalhos desenvolvidos com a agricultura familiar na região”, comentou o secretário durante a visita.

Para este ano, o Centrenor já programou a realização de 30 treinamentos abordando a técnica de substituição de copas de cajueiros improdutivos. “Essa técnica é viável para o agricultor familiar uma vez que, em torno de 30% dos cajueiros da região são improdutivos, ou de baixa qualidade”, explicou Marcos Morais, chefe do Centrenor. Disse ainda que esta é uma técnica de baixo custo, uma vez que basta cortar o tronco do cajueiro e realizar, nas brotações, a enxertia, com garfos de plantas mais produtivas e de qualidade.

O secretário e a comitiva da Seagri Itinerante Mais Alimentos Bahia também conheceu o viveiro de mudas, onde se produz, anualmente, uma média de 80 mil mudas de caju anão precoce e outras espécies, tais como gliricídia, nim, muringa e leucena.



Seagri Itinerante Mais Alimentos Bahia

Seagri Itinerante é o projeto do governo do Estado com a proposta de transferir o gabinete da Seagri e corpo técnico para atender aos agricultores de perto e conhecer as suas necessidades, discutindo com eles as alternativas de solução para os problemas detectados. Em paralelo, está sendo realizada uma feira de tecnologia do programa Mais Alimentos-Bahia da secretaria Estadual da Agricultura (Seagri), em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).

Em sua quinta edição, a caravana da Seagri Itinerante já percorreu o Oeste, Vales do Jiquiriçá e São Francisco, Portão do Sertão, Recôncavo, Baixo Sul, Piemonte Norte do Itapicuru e agora, o sertão baiano. O objetivo é levar o Governo do Estado para perto do produtor, dando possibilidade de acesso a novas tecnologias, para que ele produza mais e melhore a sua renda e qualidade de vida. Hoje (10), a caravana da Seagri Itinerante está em Paulo Afonso e permanece até amanhã (11), onde os técnicos da Seagri e órgãos vinculados, como Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Adab), Coordenação de Desenvolvimento Agrário (CDA), Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA), Bahia Pesca e as superintendências da Agricultura Familiar, Política do Agronegócio, da Irrigação e Desenvolvimento Agropecuário, ouvindo os agricultores familiares da região. A quinta edição da Seagri Itinerante Mais Alimentos – Bahia vai beneficiar mais de 3 mil agricultores de 25 municípios circunvizinhos.

Programação:

O que: Seagri Itinerante Mais Alimentos - Bahia

Onde/ Quando:

Ribeira do Pombal (08 e 09/06)

Local: Colégio Evência Brito

Feira Mais Alimentos: Pça. Getúlio Vargas

Paulo Afonso (10 e 11/06)

Local: Reuniões: CFPPA – Centro de Formação da CHESF


Fonte: Seagri/BA














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r