Boa noite!
16/08
 

Notícias

Voltar
Quinta-feira, 10 de junho de 2010 - 16h58m

Eventos > Arroz

RS: Irga divulga novos dados sobre o beneficiamento



Porto Alegre/RS

O beneficiamento total e a saída de arroz em casca do Rio Grande do Sul, no mês de maio de 2010, alcançaram 578.793 toneladas, base casca, segundo dados da Secretaria da Fazenda do Estado, com base na arrecadação da taxa CDO (Cooperação e Defesa da Orizicultura). A média de maio apresentou incremento de 2,80% em relação ao mês anterior e 4,14% sobre igual período do ano anterior. Entretanto, se for considerado o beneficiamento total alcançado em 2010 (entre janeiro e maio), de 2,525 milhões de toneladas, ocorreu uma redução de 5,18% em relação ao mesmo período do ano anterior.

Contribuiu para a redução deste volume a retração das exportações. No acumulado de 2009, as vendas externas totalizaram 357.772 toneladas ou 13,43% do beneficiamento. Enquanto em 2010, as exportações no mesmo período deverão alcançar apenas 200 mil (conforme projeção de 24 mil toneladas para maio) ou aproximadamente 8% do total beneficiado.

Considerando que a produção líquida desta safra de 6,2 milhões de toneladas, descontadas 10,50% (estimativa), das 6,850 milhões de toneladas colhidas, que representa: sementes, quebra técnica e a evasão fiscal (sem considerar a importações e exportações) e a média mensal de 505,1 mil toneladas mensais de beneficiamento. “Até maio, a oferta e a demanda regional serão bastante ajustadas, não justificando a atual situação do mercado doméstico”, afirma Marco Tavares, assessor de mercado do Instituto Rio Grandense do Arroz (Irga).

Portanto, a redução do beneficiamento no Estado está diretamente relacionada à diminuição das exportações e não à retração do consumo interno, pois considerando que a redução do beneficiamento em 2010 em relação a 2009 foi de aproximadamente 140 mil toneladas, enquanto às exportações diminuirão em torno de 160 mil toneladas (a projeção de 24 mil toneladas para maio).

Observando o gráfico, se verifica em 2009 uma correlação maior do crescimento do beneficiamento mensal em relação ao incremento das exportações. Enquanto em 2010, embora importante, este fator, não seja tão influenciador na performance mensal de beneficiamento (arrecadação).

Segundo diretor comercial do Irga, Rubens Silveira, embora com pequena redução no beneficiamento em relação ao ano anterior, o percentual médio do beneficiamento mensal em relação à produção está se mantendo em torno de 8%, até ligeiramente acima do percentual mensal do ano anterior. “A redução das exportações está sendo compensada pela redução da produção da atual safra”, completa Silveira.


Fonte: Irga














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r