Bom dia!
16/12
 

Notícias

Voltar
Terça-feira, 22 de junho de 2010 - 14h10m

Eventos > Outros

RJ: Estado ganha centro para desenvolver pecuária leiteira



Itaocara/RJ

A Pesagro-Rio, Empresa de Pesquisa Agropecuária do Estado do Rio de Janeiro, vinculada à secretaria estadual de Agricultura, apresenta, na próxima quinta-feira (24), o Plano diretor do Centro Estadual de Pesquisa e Desenvolvimento da Pecuária de Leite. A solenidade será às 16h, na fazenda sede do Centro, localizada na zona rural do 1º distrito do município de Itaocara, conhecida como antigo Campo de Semente. A ocasião marcará também o início das obras de modernização das estruturas que abrigarão os setores administrativo e laboratorial da unidade de pesquisa.

As ações, que fazem parte da reestruturação da empresa visando à recuperação e o fortalecimento de sua estrutura, contam com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária). Segundo o presidente da Pesagro-Rio, Silvio Galvão, serão investidos R$ 500 mil nas obras de infraestrutura e adequação da unidade, onde funcionará a central receptora de embriões de bovinos melhorados.

- Além deste valor, outros R$ 240 mil já estão sendo aplicados na aquisição de equipamentos para a Central de Produção de Embriões da Embrapa Gado de Leite, no campo experimental da Fazenda Santa Mônica, em Vassouras. Nossa parceria nesta unidade será a base para a produção de embriões para o Programa Rio Genética, da secretaria estadual de Agricultura – explicou.

Segundo Silvio, durante o evento, também serão apresentadas ações e projetos técnicos voltados para o Rio Genética, no âmbito da reprodução animal, transferência de embriões e produção de prenhezes e bezerras melhoradas.

O PAC da Embrapa destinou à Pesagro-Rio um total de R$ 13 milhões, sendo 80% provenientes do governo federal e 20% do governo estadual. No processo de reestruturação da empresa, outros centros estaduais também estão sendo modernizados, com destaque para o de Sanidade Animal, em Niterói, de Agroenergia e Aproveitamento de Resíduos, em Campos dos Goytacazes, e de Pesquisas e Aproveitamento de Planície Baixas e Úmidas, em Macaé. Além destes, também está sendo criado um novo centro de pesquisa voltado para o cultivo em agroflorestas e desenvolvimento sustentável, em Silva Jardim.


Fonte: Governo do Rio de Janeiro














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r