Bom dia!
17/07
 

Notícias

Voltar
Sexta-feira, 25 de junho de 2010 - 14h33m

Eventos > Outros

PA: Frutal Amazônia e Flor Pará expõem produção regional



Belém/PA

Agricultores e empresários regionais e de outros Estados brasileiros se reúnem em Belém para mostrar a produção e fazer bons negócios, na V Frutal Amazônia e X Flor Pará, que ocorrem até domingo na capital paraense. A Semana da Fruticultura, Floricultura e Agroindústria foi aberta ontem (24), no Hangar - Centro de Convenções e Feiras da Amazônia, pela governadora Ana Júlia Carepa.

A exposição é o resultado do conjunto de políticas públicas reunidas no programa Campo Cidadão, da Secretaria de Estado de Agricultura (Sagri), que promove as feiras, em parceria com o Instituto Frutal. "A grandiosidade do evento traduz a dimensão da produção do Pará e da Amazônia", disse o secretário de Agricultura, Cássio Alves Pereira.

Por ter decretado 2010 o ano da cacauicultura no Pará, a governadora Ana Júlia Carepa e o secretário Cássio Pereira foram homenageados pelo presidente da Comissão Executiva do Plano da Lavoura Cacaueira (Ceplac), Jay Walace, com o troféu Amigo do Cacau. A governadora também recebeu uma biojoia, com pingente na forma de cacau, da HS Criações, empresa do Polo Joalheiro - Espaço São José Liberto.

A Frutal Amazônia e Flor Pará expõem, em quase 300 estandes, uma grande variedade de produtos, desde uma simples muda de planta ornamental até o trator que trabalha a terra para o plantio. A agricultura familiar mostra o resultado da verticalização da cadeia produtiva, com a venda de doces, compotas, biscoitos e polpas de frutas e artesanatos de várias tendências.

O produtor Pedro de Abreu Costa trouxe de Barcarena a sua produção orgânica de ovos, verduras e frutas. Há três anos participa da Frutal para ampliar a clientela. Em setembro, ele recebe o selo de certificação dos produtos e pretende fornecer alimentos orgânicos para os supermercados de Belém. Para atender a demanda, ele já tem uma área preparada na propriedade, para aumentar a produção.

Pelo segundo ano, a agricultora Daniely Sena trouxe de Castanhal a sua produção de flores e plantas ornamentais para vender na Flor Pará. No ano passado, ela teve um aumento de 90% nas encomendas e já está instalando uma filial da sua floricultura em Belém. "Não quero apenas vender as minhas flores, mas também conscientizar as pessoas que, ao cultivar uma planta, está ajudando o meio ambiente".

Na abertura da exposição, a governadora Ana Júlia Carepa disse que todo esse crescimento é resultado das ações articuladas dos governos federal e estadual e dos órgãos que incentivam o desenvolvimento do setor agrícola no Pará. Ana Júlia visitou os estandes das feiras, conversou com os produtores, comeu tapioquinha de Santa Izabel, provou os biscoitos feitos da fécula de mandioca em Curuçá, o abacaxi cultivado em Floresta do Araguaia e ganhou mel de São João de Pirabas e uma cesta de produtos orgânicos dos diversos polos produtores do Estado.


Fonte: Governo do Pará














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r