Bom dia!
19/12
 

Notícias

Voltar
Quinta-feira, 01 de julho de 2010 - 15h22m

Eventos > Juventude Rural

RJ: Instituto Souza Cruz destaca o 3º Intercâmbio da Juventude Rural Brasileira



A iniciativa promove troca de experiências entre jovens rurais.


Rio de Janeiro/RJ

No dia 28 de junho, teve início o III Intercâmbio da Juventude Rural Brasileira. A iniciativa proporcionará a 120 jovens agricultores familiares a oportunidade de conhecer diferentes realidades rurais. Treze estados e onze organizações não-governamentais que investem em projetos de Educação do Campo apóiam a ação.

O intercâmbio será dividido em dez etapas, e segue até 8 de dezembro. Nestes seis meses, os intercambistas terão uma vivência de 10 dias em outro meio rural, onde trocarão experiências, aprenderão novas técnicas agrícolas, conhecerão tecnologias alternativas, farão visitas a propriedades de agricultores familiares da região, entre outras atividades. No retorno para seus estados de origem, poderão adaptar os novos conhecimentos à sua realidade.

Os estados onde serão realizadas as etapas do intercâmbio são: Pernambuco, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Amazonas, Acre, Espírito Santo, Bahia e Paraíba.

O III Intercâmbio é promovido pela Rede Jovem Rural, um projeto coletivo coordenado pelo Instituto Souza Cruz e formado por outras cinco instituições que promovem ações de cooperação e defesa conjunta da causa do jovem rural brasileiro. São elas: Associação das Casas Familiares Rurais do Sul do Brasil (Arcafar-SUL); Centro de Desenvolvimento do Jovem Rural (Cedejor); Movimento de Educação Promocional do Estado do Espírito Santo (Mepes); Movimento de Organização Comunitária (MOC); e Serviço de Tecnologia Alternativa (Serta).

Além destas, as outras organizações que participam da iniciativa são: Associação das Casas Familiares Rurais do Amazonas (Arcafar/AM), Desenvolvimento Integrado e Sustentável do Baixo-Sul da Bahia, Escola da Floresta (AC), Associação das Escolas Famílias Agrícolas do Centro- Oeste e Tocantins (Aefacot) e Programa de Apoio à Educação Rural (PB).

“O intercâmbio tem como objetivo favorecer a integração de jovens rurais, participantes de iniciativas de desenvolvimento rural sustentável, permitindo ações protagônicas juvenis de transformação nos territórios rurais”, afirma Luiz André Soares, gerente do Instituto Souza Cruz e coordenador da Rede Jovem Rural.

As duas primeiras edições do Intercâmbio da Juventude Rural foram realizadas em 2006 e 2008.


Fonte: Instituto Souza Cruz














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r