Bom dia!
19/08
 

Notícias

Voltar
Segunda-feira, 05 de julho de 2010 - 16h50m

Eventos > Outros

DF: Senado homenageia o cooperativismo brasileiro



Solenidade reuniu cooperativistas e parlamentares no Congresso Nacional, nesta segunda-feira. RádioCoop divulga discurso do presidente da OCB.


Brasília/DF

"O cooperativismo mostra que uma forma de capitalismo com mais igualdade social é possível". Essa é a opinião da 2º vice-presidente do Senado, senadora Serys Slhessarenko, que presidiu hoje (05), sessão solene pelo 88º Dia Internacional do Cooperativismo, no Plenário do Senado Federal, em Brasília (DF).

Na avaliação da senadora, o desenvolvimento econômico não pressupõe um "sistema de iniquidade", pelo qual seja necessário alguém perder para que outro obtenha lucro. Serys disse que é preciso haver uma mudança de valores para construir uma sociedade baseada na solidariedade - princípio que, segundo ela, está presente no cooperativismo.

Para a senadora, a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) é uma instituição que, além de trabalhar em prol do setor, também inclui as mulheres no mercado de trabalho, referindo-se ao tema alusivo as comemorações do dia que é “Mulher e o cooperativismo: conquistas e desafios para o empoderamento feminino". A solenidade também homenageou os 40 anos da OCB.

A parlamentar disse que a população feminina encontrou no cooperativismo o ambiente perfeito para desenvolver suas ambições empresariais e seus negócios. "A participação da mulher em cooperativas contribui para aumentar a autoestima, oferece a elas acesso a oportunidades e recursos, bem como influencia as mudanças sociais que podem criar uma ordem econômica mais justa", afirmou.

Na luta pelos direitos das mulheres, a senadora já apresentou mais de 30 projetos sobre o tema, especialmente sobre a igualdade salarial entre mulheres e homens, sobre violência doméstica e sobre licença-maternidade.

Presença intensa
Em seu pronunciamento, o presidente da OCB, Márcio Lopes Freitas, agradeceu ao apoio dos parlamentares que trabalham para atender cerca de 30 milhões de pessoas envolvidas diretamente com o cooperativismo. Neste universo o Sistema envolve cerca de 12% de mulheres que ocupam cargos diretivos em cooperativas. "Temos que aumentar esse número, pois o compromisso das mulheres é perene, e demonstra uma preocupação com a sustentabilidade e com bem estar da comunidade".

Freitas defendeu o estabelecimento do marco legal do cooperativismo, bem como adequado tratamento tributário e fiscal às cooperativas. Para ele, o cooperativismo gera desenvolvimento econômico com justiça social. " A eficiência econômica é que traz a eficácia social, não o contrário", observou Márcio Lopes Freitas.

O deputado Paulo Piau, secretário-geral da Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop), parabenizou a todos que de alguma forma ajudaram a construir a história do cooperativismo no país. Disse que apesar de o cooperativismo brasileiro possuir qualidade a adesão ainda é relativamente baixa. "Apenas 5% dos brasileiros são cooperativados, enquanto que nos Estados Unidos esse índice é de 30%. Na Europa, 40% da população participam de cooperativas", pontuou Piau.

O deputado apelou ao presidente da Câmara, Michel Temer, para que coloque em votação o projeto que cria o marco legal do cooperativismo (PL 4622/04). Ele ainda disse que o Congresso Nacional tem a "missão" de discutir o ato cooperativo para evitar que haja bitributação em relação às atividades das cooperativas.

O deputado Celso Maldaner, também se pronunciou destacando que as cooperativas são importantes, pois produzem bens e serviços de forma mais equilibrada e justa.

O evento, proposto pela Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) e da Frente Parlamentar do Cooperativismo (Frencoop, teve a participação de líderes do Sistema Cooperativista Brasileiro e parlamentares na cerimônia, que faz parte das homenagens pela data, comemorada oficialmente no primeiro sábado de julho.

O requerimento para a realização da homenagem, de autoria do deputado Zonta, presidente da Frencoop, com o apoio do senador Renato Casagrande e da senadora Serys Slhessarenko.


Fonte: OCB














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r