Boa tarde!
10/12
 

Notícias

Voltar
Terça-feira, 06 de julho de 2010 - 12h25m

Política Agrícola > Café

DF: Funcafé apóia projeto comunitário de cafeicultores paranaenses



Imagens

Café

Foto: Divulgação / Embrapa



Brasília/DF

Apoiar o cafeicultor para obtenção do grão de qualidade e garantir infraestrutura para produção são os objetivos do Projeto Comunitário de Secagem, Classificação e Degustação de Café, no município de Siqueira Campos/PR. A ação tem apoio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), por meio do Fundo de Defesa da Economia Cafeeira (Funcafé).

O município paranaense receberá oito secadores de café, um kit para classificação e degustação e cinco determinadores de umidade do grão. A prefeitura fornecerá a logística para a implantação dos equipamentos, além da supervisão geral do programa. Cada bairro da cidade terá um produtor responsável pela coordenação e administração das operações de secagem.

Localizado no norte do Paraná, Siqueira Campos possui, aproximadamente, 12 mil habitantes, 37% residentes na zona rural. Ao todo, são 1.396 produtores rurais, dos quais 335 são cafeicultores. A temperatura média anual varia entre 20 e 21ºC, o que favorece o desenvolvimento do grão. “O potencial produtivo ficou evidenciado com o prêmio conquistado por um produtor local, no Concurso Nacional de Qualidade promovido pela Associação Brasileira da Indústria de Café (Abic)”, destaca o diretor do Departamento de Café do Mapa, Robério Silva.

Por outro lado, a falta de infraestrutura para secagem, a ocorrência de chuva e o aumento de colheita mecanizada nas pequenas propriedades ainda são problemas enfrentados por agricultores. “Nesse sentido, a aquisição de secadores e sua distribuição nos locais de maior concentração vão propiciar o uso comunitário pelos produtores de cada bairro, com secagem em menor tempo e redução dos riscos de perda de qualidade em função de chuvas no período de colheita”, explica Robério.

O diretor acrescenta, ainda, outro fator que implica na perda de qualidade, que é a mistura de lotes de café com diferentes características (tipo, bebida e umidade do grão), por falta de apoio próximo ao cafeicultor para aferição desses padrões. Além de eliminar problemas, o kit de degustação possibilitará ao cafeicultor corrigi-los durante o processo de colheita e secagem, além de separar adequadamente os lotes para armazenamento e comercialização.


Fonte: Mapa














© Copyright 2018, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r