Bom dia!
16/09
 


Notícias

Voltar
Terça-feira, 23 de setembro de 2008 - 14h43m

Agroindústria > Tratores

Valtra entrega 1º trator pelo Mais Alimentos



Imagens

O casal Dacheri (Nilza de Fátima e Antonio) e o filho Clair Dacheri

Foto: José Carlos Cipullo



Produtor familiar catarinense economizou cerca de R$ 20 mil na compra de um modelo de 75 cv e vai pagar o crédito em 10 anos.


Mogi das Cruzes/SP

O produtor catarinense, Antonio Dacheri, recebeu, na sexta-feira (19) na fábrica da Valtra, em Mogi das Cruzes (SP), o primeiro trator da marca financiado pelo Plano Safra Mais Alimentos, do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA).

O plano, parceria do MDA, Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores) e Abimaq (Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos), tem como objetivo incentivar as vendas dos tratores de menor potência, na faixa de 15cv a 75cv, e tornar o pequeno produtor mais eficiente.

O diretor de Marketing da Valtra, Leandro Marsili, acredita no crescimento do setor nos próximos 4 anos, impulsionado pela demanda por alimentos. “Com o impulso do plano Mais Alimentos, trabalhamos com um aumento de 1.500 a 1.900 unidades a mais por ano”, calcula. “O plano vai refletir no aumento do volume de negócios e também na geração de empregos”, acrescenta.

A Valtra possui três modelos da Linha Leve (585, 685 e 785) para atender à demanda do programa. Eles representam 35% da produção da fábrica de Mogi.

Segundo o secretário Nacional de Agricultura Familiar do Ministério do Desenvolvimento Agrário, Adoniram Sanches Peraci, que participou da entrega do trator aos Dacheri, os descontos variam de 15% a 25% no preço dos tratores.

O crédito está disponível ao produtor com renda bruta até R$ 110 mil, limitado ao máximo de R$ 100 mil, com juros de 2% ao ano, pagamento em dez anos e três anos de carência. “A expectativa é vender 60 mil unidades de tratores leves em três anos, beneficiando um milhão de agricultores", prevê.

O produtor familiar Antonio Dacheri, dono da Fazenda Santo Antonio, em Passos Maia, na região de Xanxerê, adquiriu seu primeiro trator há três anos: um Valmet (antiga marca Valtra), ano 1981, que ele utiliza para distribuir adubo orgânico na lavoura de milho que é transformado em silagem para o gado leiteiro. O foco da propriedade de 46 hectares é a produção de leite. Dos 15 mil litros produzidos por mês, 10 mil vira queijo.

Dacheri conseguiu economizar cerca de R$ 20 mil na compra de um trator de 75 cv da Valtra pelo Mais Alimentos. Há cerca de um mês, quando contratou o financiamento, o preço de mercado do trator de 75 cv era R$ 86 mil, no começo do mês, o mesmo modelo já custava R$ 91,7 mil. Com os descontos, pagou somente R$ 69,4 mil, acrescido de 1%, valor pago à empresa que fez o projeto, no caso, a Epagri (Empresa de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural de Santa Catarina).

“O programa é vantajoso, principalmente porque só vou começar a pagar a primeira parcela em 2010”, diz. “Quero expandir meus negócios”, afirma o produtor que planeja aderir à suinocultura, por meio de integração com uma das empresas que atuam na região.

O primeiro trator Valtra do Mais Alimentos foi comercailizado pela concessionária autorizada pela empresa, a Shark SA, com lojas em São Paulo, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul. “Em Santa Catarina, na nossa área de atuação, o Mais Alimentos deve representar um aumento de 60% nas vendas de tratores”, comemora o gerente da loja de Xanxerê, Luís Alberto Durli.

A economia da região gira em torno do leite, da avicultura e suinocultura, no sistema de integração, além do cultivo de milho para a alimentação dos animais e de feijão. “Todas as propriedades são de pequenos produtores, a maioria agricultores familiares, o que é favorável ao plano”, afirma Durli. Ele conta que 90% das propostas aprovadas pela Epagri estão em análise no agente financeiro, no caso, o Banco do Brasil.

Além do secretário Nacional da Agricultura Familiar, o evento de entrega do primeiro trator Valtra do Mais Alimentos contou com a participação do consultor do MDA Francisco Hercílio Matos, idealizador do plano; de representantes da Epagri, o engenheiro agrônomo do escritório de Passos Maia, Cezar Roberto Bevilacqua, e o gerente regional de Xanxerê, Nilson Manzke; da concessionária Shark/Valtra, Sirio Barazeti, diretor comercial da matriz, em São Paulo, e Durli, da loja de Xanxerê, além de executivos da Valtra e da AGCO e jornalistas.

Sobre a Valtra
A linha de produtos Valtra inclui tratores de 50 a 210 cavalos, colheitadeiras e plantadeiras. A empresa é líder no segmento canavieiro, está no Brasil desde 1960, conta hoje com uma rede de 70 concessionárias no País e cerca de 170 pontos de venda, além de 56 distribuidores nos demais países da América Latina. Exporta para mais de 60 países. A Valtra é umas das marcas pertencentes à AGCO Corporation.


Beth Pereira


Fonte: Pauta Assessoria














© Copyright 2014, Via Informação - Todos os direitos reservados
Proibida a cópia e reprodução total ou parcial sem a citação da fonte.
Site desenvolvido por Grandes Idéias

Skype: paginarural

E-mail: paginarural@paginarural.com.br

h t t p : / / w w w . p a g i n a r u r a l . c o m . b r